soma and darvocet order soma soma mamagésa példaképe

valium and urinary incontinence buy valium diazepam buy Cleveland

is ambien a class ii drug buy ambien online ambien causing migraines

monkey xanax buy cheap xanax is there anything good about xanax

tramadol tablets dose buy tramadol tramadol causing pancreatitis

tramadol hcl tabs side effects tramadol online no prescription tramadol hcl what is it for

valium to buy buy diazepam is percocet or valium stronger

ambien withdrawal symptoms 2013 buy zolpidem online snort or swallow ambien

phenergan with xanax buy xanax online how much xanax leads to overdose

new research on ambien buy ambien hometown ambience mall gurgaon contact number

Calor ou frio intenso contribui para aumento no consumo de energia

Energia - 15/02/2019 às 7h37

Calcule o gasto de cada equipamento e saiba como economizar.

As altas temperaturas deste verão fizeram com que muitas famílias recorressem a aparelhos de ar condicionado e ventiladores para amenizar o calor. O consumo de energia em todo o país cresce nos meses mais quentes devido ao uso destes equipamentos, por isso é preciso tomar algumas precauções para evitar sustos com a fatura de energia elétrica. Em Campo Largo é no inverno que são registrados os recordes de consumo de energia, mas a cada ano o consumo no verão vem aumentando.

O diretor técnico da Companhia Campolarguense de Energia – Cocel, Carlos Conrado Krzyzanovski, explica que em períodos com temperaturas extremas – muito altas ou muito baixas – o consumo de energia é maior. “Historicamente os recordes de consumo de energia ocorrem nos meses mais frios, entre junho e agosto, devido ao uso de aquecedores – equipamento que está presente num grande número de casas do município. Mas o uso de aparelhos de ar condicionado – que era muito pequeno até poucos anos – vem crescendo e com isso com o consumo de energia também aumenta”, conta o diretor.

Krzyzanovski orienta os consumidores a verificarem a potência dos equipamentos antes de adquirir, para que tenham consciência sobre qual o consumo de energia e sobre quanto o uso vai impactar na fatura mensal: “tanto condicionadores de ar quanto aquecedores são equipamentos de grande potência, e quanto maior a potência maior o consumo de energia”.

Como calcular o consumo de cada equipamento

Para calcular o consumo dos equipamentos é necessário saber a potência (esta informação deve ser disponibilizada na embalagem, medida em watts). Quanto maior a potência, maior o consumo de energia.

Para saber quanta energia cada equipamento consome no mês a conta é simples:

Potência (W) x horas utilizadas no dia x dias utilizados no mês / 1000 =

consumo mensal (em kWh)

Por exemplo, se uma família utiliza um condicionador de ar com 1350 W de potência, 8 horas por dia, 20 dias no mês, o cálculo do consumo será:

  1. x 8 x 20 / 1000 = 216

O aumento de consumo desta família devido ao uso do aquecedor será de 216 kWh no mês (que equivale a aproximadamente R$ 210,00).

É importante ressaltar que o consumo pode variar de acordo com as condições de uso do equipamento e das instalações elétricas. No caso dos condicionadores de ar, também é importante adquirir um equipamento adequado ao tamanho do ambiente, para evitar desperdício.

Como evitar desperdício de energia ao utilizar aparelhos de ar condicionado

A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) divulgou os resultados de uma pesquisa que mostra que o consumo de energia elétrica por condicionadores de ar em residências triplicou nos últimos 12 anos. Como são equipamentos de grande potência, o uso do ar condicionado pode representar aumento significativo na fatura de energia elétrica das famílias.

Ao adquirir este tipo de equipamento é preciso estar consciente que o consumo de energia é elevado, mas alguns cuidados podem evitar desperdícios:

  • Não deixar portas e janelas abertas em ambiente com ar condicionado ligado;
  • Manter os filtros limpos;
  • Diminuir ao máximo o tempo de utilização do aparelho de ar condicionado;
  • Colocar cortinas nas janelas que recebem sol direto;
  • Optar por equipamentos que tenham o selo Procel de eficiência energética;
  • Seguir as orientações do fabricante ao fazer a instalação do equipamento;
  • Evite desligar e ligar com muita frequência (se for se ausentar do ambiente por intervalor curtos, de até 30 minutos, o ideal é deixar o equipamento ligado).

Dicas de economia para o ano todo

  • Verifique se as instalações elétricas do imóvel estão em boas condições e se são dimensionadas para toda a carga que está sendo utilizada.
  • Na dúvida, sempre opte por contratar um eletricista habilitado para revisar as instalações.
  • Não utilize “Ts” ou “benjamins”.
  • Verifique se a tomada em que o equipamento será ligado é compatível (a maior parte dos aparelhos de maior potência precisa de tomada de 20 ampères, maiores que as tradicionais).
  • Antes de ligar um equipamento, verifique se não há algum dano, como descascados no cabo ou isolação com defeito. Se houver, não utilize.
  • Opte por equipamentos mais eficientes, com nota “A” do Selo Procel.
  • Aproveite a luz natural.

15/02/2019

Seu navegador está desatualizado!

Atualize seu navegador para ver este site corretamente.Atualizar meu navegador agora

×