phentermine yellow urine order phentermine herbal equivalent to phentermine

a soma de x e y buy soma online no prescription formula da soma infinita da pa

can valium cause anxiety in dogs order valium online valium hard drug

order ultram Cambridge buy tramadol tramadol interaction with klonopin

will ambien help my anxiety buy ambien online experience with ambien

valium tablet identification diazepam 5mg purchase diazepam McKinney

dj valium - omen iii ulub valium online no prescription volume pills discount code

xanax side effect weight gain buy xanax xanax alcohol memory loss

white round xanax with no imprint cheap xanax xanax bars online

bl¥ valium roche diazepam 5mg amitriptyline and valium overdose

ANEEL anuncia reajuste de 8,15% para os consumidores da Cocel

Tarifas - 28/06/2021 às 12h13

Custos que são gerenciáveis pela Companhia reduziram 1,27%

 A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL anunciou durante reunião pública realizada em 22/06, os índices de reajuste a serem aplicados aos consumidores da Companhia Campolarguense de Energia – Cocel a partir de 29/06/21. As tarifas residenciais serão reajustadas em 8,15%.

Os custos de geração e transmissão de energia causaram maior impacto na revisão tarifária. A energia utilizada pelos campo-larguenses é comprada em leilões do mercado livre de energia desde 2019, mas existem algumas cotas que a Cocel é obrigada por lei a adquirir de usinas como Itaipu (com valores afetados pelo dólar) e Angra I e II – que têm valores mais elevados. A crise hídrica que levou à baixa nos reservatórios das hidrelétricas e acionamento de termelétricas também influenciou o custo final da energia.

Se dependesse apenas dos custos que são gerenciáveis pela Cocel, como compra de materiais e recursos humanos, as tarifas seriam reduzidas em 1,27%. Além dos custos de geração, transmissão e distribuição de energia, na tarifa final paga pelo consumidor incidem encargos e tributos – que correspondem a quase metade do valor da fatura.

Fonte: ANEEL

O processo de revisão tarifária da Cocel foi tema de Audiência Pública realizada pela ANEEL, recebendo contribuições da comunidade e do Conselho de Consumidores. Para as tarifas de consumidores com fornecimento em alta tensão, o reajuste médio será de 14,8%. Para os consumidores da baixa tensão o reajuste médio será de 8,52%, resultando em um impacto médio de 10,64% (entre baixa e alta tensão). Os valores dos serviços cobráveis também serão reajustados e foram definidos novos limites para os indicadores de continuidade a serem atendidos pela concessionária.

28/06/2021